Adaptação no Berçário

23/02/2017

Adaptação no Berçário 


Escolher o Berçário Les Enfants d’Emilie foi uma decisão fácil. Fácil por eu ter um vínculo afetivo grande, por ter estudado praticamente minha vida inteira no Colégio Emilie e também ter trabalhado lá. 

O grande dia chegou! E como toda mãe de primeira viagem, apesar da escolha fácil, estava na expectativa de como a Júlia lidaria com tudo isso.

Lá fomos nós para adaptação. Tanto eu como a Júlia fomos acolhidas por todos: portaria, recepção, coordenadora e educadoras. Desde o primeiro dia nos sentimos em casa e a Júlia praticamente não precisou de adaptação. No segundo dia já ficou sozinha e foi se soltando aos poucos com o passar dos dias.

A expectativa e ansiedade de mãe se transformaram em uma enorme alegria!!! Em poucos dias a Júlia estava super solta, entrava e saía sorrindo do berçário, demonstrando que aquela situação e aquele espaço já eram familiares para ela.  Em três dias já tinha aprendido até a dar tchau com as mãozinhas.

Ver a Júlia dar os braços e sorrir para ir no colo de todas as educadoras não tem preço! Ver a carinha de amor que ela faz para elas, com o mesmo amor que ela olha para nós, da família, é algo que faz nosso coração ficar cheio de gratidão! Gratidão pelo acolhimento que nos foi dado, pelo amor com que tratam minha filha em cada detalhe e pelo visível desenvolvimento dela com o trabalho pedagógico realizado.

Obrigada, obrigada, obrigada!

Que toda a equipe, em especial as educadoras Alessandra, Patrícia, Simone e Fátima, sempre trilhem esse trabalho com amor!


Com carinho, 
Maíra Bedran, Bruno Capelin e Júlia Capelin.

RELACIONADAS

Musical, bolinha de sabão, brincadeiras e muita diversão!...

Bichinhos feitos de material reaproveitado invadiram o dia do brinquedo no Berçário!...

A vovó da Chapeuzinho Vermelho foi ao Berçário Les Enfants d'Emilie para contar uma bela história e encantar os pequenos......

X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok