• Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • Linkedin
  • Youtube
  • E-mail
  • Moodle

​PEDRA, ROCHA, PEDAÇO, PEDROSO... CORAGEM?

01/06/2020

PEDRA, ROCHA, PEDAÇO, PEDROSO... CORAGEM?

Tudo começou quando uma criança, durante seus primeiros dias ao retorno a escola, trazia consigo uma pedra: “Essa é minha pedra da CORAGEM! Minha mãe fez esses desenhos nela para quando eu sentir saudade apertar bem a pedrinha.” José, 4 anos. Respondi: "Também tenho as minhas e vou trazer para te mostrar!”. Foi então que levei algumas pedrinhas pintadas para escola.

Ainda era início do ano e não imaginávamos o que estava por vir! A adaptação passou e as pedras viraram personagens das nossas histórias em sala, brinquedos e até mesmo decoração!

Em março, tudo mudou e muito rápido nos organizamos para entrarmos na quarentena. As pedras voltaram tristes para minha casa. Durante uma reunião com a direção logo no início quando a pandemia chegou ao Brasil, uma palavra de força e incentivo vindo de nossa Diretora Marli me marcou: Equipe de educadores o momento agora é de CORAGEM!

Retomei AS PEDRAS, AS CRIANÇAS, O AMOR E A CORAGEM e, juntos, pouco a pouco e virtualmente fomos nos fortalecendo e as tais pedras se tornaram protagonistas na reinvenção de algumas propostas e símbolos de nossa relação!

Na última semana que antecedeu as férias escolares, organizamos os materiais das crianças e realizamos a entrega desses kits com todo cuidado e sem aglomerações em drive thru. Foi então que me veio uma ideia: encaminhar para essas crianças um bilhete como gesto de carinho. Realizei os bilhetes, um a um, a mão, e recolhi algumas pedras que usávamos em nossa sala para brincar e mandei junto, em cada pedra um coração: Estou com saudades, segue uma pedra da coragem para você! Beijos, Karina.

Com receio, sem saber o que as famílias iriam achar, encorajei-me e encaminhei. Sutilezas, carinho e amor ás vezes chegam de maneiras
surpresas em um gesto simples. As crianças receberam e rapidamente fizeram mesmo que distantes a conexão:

“Karina, eu recebi a pedra da coragem e amei! Vou deixar ela aqui comigo e depois vou levar para o meu quarto.” (Enquanto falava sorria, beijava e abraçava a pedrinha), Arthur, 4 anos.

“Eu sabia que você ia enviar uma pedra da coragem, eu gostei muito!”, Olivia, 4 anos.

“Karina, a Melissa recebeu seu bilhete e a pedra da coragem, amou! Coloca-a no bolso para ficar perto dela, nos falou que quando estiver com
medo vai apertar bem a pedrinha e inclusive conseguimos novas pedras e realizamos lindos desenhos! Uma dessas pedras seguirá como presente para você nomeado pela Mel como a pedra da calma!” Dinalva, mãe da Melissa, 4 anos.

“Professora eu recebi a pedrinha e vou deixar ela aqui comigo, eu gostei muito!” José, 4 anos

“Professora eu já tenho uma pedra da coragem, fiz parecida com a sua e pintei de azul!” Gustavo, 4 anos.

“Eu fiz um desenho para te agradecer pela pedra, eu gostei!” Laís, 4 anos.

Jean, Alice, Paola trouxeram suas pedrinhas para os vídeos conferências e, mesmo sem dizer muita coisa, demonstravam com as mãos o carinho ao segurar durante nossos encontros. Ao contemplar os relatos e gestos das crianças e familiares, lembrei-me de um poema:

No Meio do Caminho, de 1928, de Carlos Drummond de Andrade

No meio do caminho tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
tinha uma pedra
no meio do caminho tinha uma pedra.
Nunca me esqueci desse acontecimento
na vida de minhas retinas tão fatigadas.
nunca me esquecerei que no meio do caminho
tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
no meio do caminho tinha uma pedra.


Volto para reflexão: Que pedra é essa? Que surge em nossos caminhos, assim, sem esperar! Pedra, essa que vem da natureza, que faz fortalezas e nos faz pausar!

PEDRO, PETRUS, PEDRA: ROCHA, PEDAÇO, PEDROSO, FORTALEZA, CORAGEM - FÉ E LÁ DO VATICANO UM HOMEM EM RENDENÇÃO ORA
PELA NAÇÃO!

Esse texto foi escrito com muito carinho, uma forma de agradecimento e com grande expectativa de logo nos encontrar!

Um beijo, Professora Karina Carneiro.

RELACIONADAS

Um dia muito especial, recheado de abraços e sorrisos!...

Vínculos afetivos deixando suas marcas nas atividades à distância!...

Os alunos da Educação Infantil, Preschool 1º e 2º anos receberam materiais para a realização das experiências e vivências não presenciais!...

X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok
<