• Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • Linkedin
  • Youtube
  • E-mail
  • Moodle

Pré-iniciação científica 2019

06/12/2019

Pré-iniciação científica 2019
 
Julia Cutolo Brusco e Maria Eduarda de Jesus, alunas da 3ª série do Ensino médio, encerraram seu processo de pré-iniciação científica apresentando seus trabalhos a banca examinadora formada pela professora coordenadora Silvia Curvello de Mendonça Azevedo e pelas professoras doutoras Maria Stella Orsini (ECA-USP) e Marly De Bari Mattos (FFLCH – USP).

A banca examinadora foi presidida pela professora doutora Patrizia Bergamaschi como professora orientadora de todo o processo de pesquisa, reflexões e criação realizado pelas alunas em 2019 e que frisou o caráter inédito das pesquisas que culminaram na criação de dois e-books.

Inicialmente, as alunas tinham o objetivo de investir em escrita criativa, no caso de Júlia, e formação interdisciplinar, no caso de Maria Eduarda, mas, no decorrer dos momentos de orientação, percebeu-se que ambas tocavam sensivelmente aspectos apontados como altamente desejados pela BNCC. Disso, decorreu a reflexão comum a respeito das competências desse documento normativo e dois caminhos pessoais, inspirando-se Júlia em “Kafka e a boneca viajante”, do espanhol Jordi Sierra I Fabri, e Maria Eduarda em “As mais belas coisas do mundo”, do português Valter Hugo Mãe. E dessa escolha, as produções: “Pe(r)didos” e “Cartas para a menina que eu fui”, respectivamente.

Ao analisar o trabalho das alunas, a Profª. Dra. Marly comentou que o Emilie pratica a BNCC há anos e que “o inusitado da apresentação da Maria Eduarda é o modo e clareza como ela apresentou um tipo de texto que é extremamente subjetivo e que, embora permita apresentar as suas ideias, tem um tom confessional que faz com que ela se exponha maximamente, com uma grande elegância".

A coordenadora Silvia Azevedo, por sua vez, disse que as duas são a resposta mais clara e completa que a BNCC é possível. “As palavras de vocês documentam um processo de crescimento de alguém que recebeu e aproveitou todas as oportunidades que a escola ofereceu e ocupou o seu lugar de jovem contemporâneo, criativo, leitor e escritor do mundo".

A Profª. Dra. Maria Stella pontuou que Maria Eduarda e Júlia são meninas "atípicas", privilegiadas por poderem estudar em uma instituição de excelência, e que teve muito prazer em ler o trabalho. Disse que, na escrita da Maria Eduarda, enxergou que a aluna poderia ser uma grande psicanalista, caso desista das ciências exatas, pelo excelente equilíbrio emocional mostrado na sua narrativa. Também pontuou que “não é por acaso que as alunas fizeram o trabalho, pois, além do talento, têm aprendizagem e toda uma bagagem e perspicácia para desenvolvê-lo”. Cumprimentou os pais pela excelente educação dada aos filhos, que é completada pela escola.

A professora orientadora Patrizia encerrou os trabalhos da mesa dizendo que foi uma honra trabalhar com Júlia e Maria Eduarda e ressalta que elas foram corajosas em serem protagonistas.

A diretora do Colégio Emilie, Irmã Luiza Cesca, encerrou o evento parabenizando as jovens pela capacidade e dizendo que são formadoras de opinião, com conteúdo, com poder de análise crítica profunda, e não superficial, de uma leitura que vai além da aparência e que o mundo carece de pessoas corajosas como elas. Aproveitou para agradecer à banca pela disponibilidade em ouvir e valorizar alunas tão jovens e parabenizou as famílias das duas alunas e as coordenadoras pedagógico-educacionais pela provocação e disponibilidade.

RELACIONADAS

Alunos contam como o colégio os preparou para as provas e como estão os estudos para as segundas fases!...

Momento de partilha com os alunos da 1ª série EM!...

2ª série em mais um sarau literário!...

X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok